Segundo informações do G1 pedestres estão indignados com a situação de uma ponte localizada na marginal do Rio Jundiaí, em Campo Limpo Paulista (SP). De acordo com eles, não há proteção e várias partes da ponte estão quebradas. De um lado da ponte ficam algumas empresas e do outro lado, sentido Várzea Paulista (SP), há algumas casas e uma faixa de pedestres.


Faltam guarda-corpo e pedaços do chão e tem bastante buraco. O que sustenta a ponte é um trilho de ferro e do outro lado tem uma tubulação. Passar por ela é bastante arriscado e os moradores garantem que morrem de medo. Cerca de 300 metros a frente tem outra ponte de concreto e um ponto de ônibus, mas a população reclama que é longe para atravessar todos os dias.


A Prefeitura de Campo Limpo Paulista informou que reconhece a situação e que existe um projeto para a construção de uma nova ponte no trecho. O problema é que o projeto foi enviado para o governo do estado e aguarda um posicionamento em relação a verbas para construir uma ponte mais segura.